• Refletir sobre as questões pedagógicas concernentes às emoções socioemocionais, considerando especialmente a fomentação de novos debates entre educadores e educadoras e a construção de novas reflexões sobre os processos educativos no contexto da pandemia.
  • Oportunizar a socialização de saberes e práticas pedagógicas no campo da educação socioemocional, com atenção especial para os temas contemplados nas competências da BNCC que tratam deste aspecto.
  • Contribuir para o processo de formação continuada dos profissionais de educação visando à qualificação de suas práticas educativas, tendo em vista os desafios propostos pela contemporaneidade, no contexto da pandemia e do isolamento social.


PÚBLICO ALVO

Profissionais que atuam no campo da educação básica (professores, coordenadores educacionais, gestores, assessores, técnicos, etc.), além de pesquisadores, estudantes e outros profissionais de áreas afins.